COMO EU FAÇO UM RECEITA PARA COMPRA HEMOGENIN .?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

default COMO EU FAÇO UM RECEITA PARA COMPRA HEMOGENIN .?

Mensagem por DaviRibeiro123 em Sex Jun 15, 2012 1:58 am

Comprei umas receitas medicas . "Carimbadas e assinadas " tudo certinho , pronto so pra escreveer .
mais não sei como fazer. a de hemogenin. alguem sabe como eu escreve ? oque eu escrevo ?

DaviRibeiro123
Franguinho
Franguinho

Mensagens: 2
Pontos: 4
Reputação: 0
Data de inscrição: 15/06/2012
Idade: 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: COMO EU FAÇO UM RECEITA PARA COMPRA HEMOGENIN .?

Mensagem por MelchiorF em Sex Jun 15, 2012 2:15 pm

MANUAL DE ORIENTAÇÃO SOBRE PRESCRIÇÃO DE MEDICAMENTOS SUJEITOS A CONTROLE ESPECIAL

Grupos de produtos controlados

EAA

Receita de controle especial C5
Receita de Controle especial em 2 vias "Paciete e vendedor"
Abrangência todo o território nacional
Quantidade por período de tratamento: 5 ampolas e tratamento de 60 dias para demais formas farmacêuticas.

MelchiorF
Franguinho
Franguinho

Mensagens: 6
Pontos: 6
Reputação: 0
Data de inscrição: 03/06/2012
Idade: 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: COMO EU FAÇO UM RECEITA PARA COMPRA HEMOGENIN .?

Mensagem por DaviRibeiro123 em Sab Jun 16, 2012 11:45 am

não entendi '-

DaviRibeiro123
Franguinho
Franguinho

Mensagens: 2
Pontos: 4
Reputação: 0
Data de inscrição: 15/06/2012
Idade: 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

default Re: COMO EU FAÇO UM RECEITA PARA COMPRA HEMOGENIN .?

Mensagem por davidjr em Ter Ago 21, 2012 1:02 am

No caso de receitas para medicamentos de controle especial (C5 - Anabolizantes), o profissional (médico) não precisa, obrigatoriamente, utilizar-se deste modelo (receita de controle especial), que pode ser manuscrito, datilografado ou informatizado, desde que observado:

a) Obrigatoriedade de prescrição em 02 (duas) vias: identificação no receituário (manualmente, por computador ou impresso) de que a 1ª via se destina à FARMÁCIA e a 2ª via ao PACIENTE.

b) Identificação do Emitente: nome do profissional, número da inscrição no CRM, endereço completo e telefone, sigla da UF ou nome da instituição, e no caso, o número do CNPJ.

c) Identificação do Paciente: nome e endereço completos do paciente.

d) Prescrição: nome do medicamento ou da substância prescrita sob a forma de Denominação Comum Brasileira (DCB), dosagem ou concentração, forma farmacêutica, quantidade (em algarismos arábicos e por extenso) e posologia e tempo de tratamento.

e) data da emissão.

f) Assinatura e carimbo do emitente.

g) Identificação do comprador: informações do paciente.

h) Identificação do fornecedor: de responsabilidade da farmácia e poderá ser preenchido manualmente ou mediante carimbo.

Dimensões aproximadas: 17 x 22 cm; cor do papel: branco; cor da tinta de impressão: preto.

INFORMAÇÕES GERAIS
Válida em todo território nacional. Esta receita, desde que obedecidas as normas estabelecidas pela Portaria nº 344/98, pode ser manuscrita, datilografada ou impressa por sistema informatizado.

O receituário do profissional ou da instituição deve ser em 02 (duas) vias. A 1ª via da receita fica retida na farmácia e a 2ª será devolvida ao paciente para orientação e como documento comprobatório de uso.

A Receita poderá possuir até 03 (três) substâncias ou medicamentos. Acima das quantidades previstas, o prescritor deverá apresentar justificativa datando e assinando as duas vias.

No caso da prescrição de esteróides ou peptídeos anabolizantes, a receita deverá conter o número do CID.

Sei que não é o caso, mas geralmente da merda usar receita fria. Tem na internet um caso de prisão em flagrante de um sujeito que tentou realizar a compra de durateston e a famacêutica desconfiou da receita e chamou a polícia. Então observe bem as informações acima descritas.

davidjr
Frango
Frango

Mensagens: 52
Pontos: 54
Reputação: 0
Data de inscrição: 12/08/2012
Idade: 28

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum